Construimos e desenhamos o seu site  - Grow Under - Website Development
  • Home
  • Blog
  • Dicas
  • Como aumentar visitas do seu site com trocas de tráfego

O que é análise SWOT? Como fazer análise SWOT com resultados

O que é análise SWOT? Como fazer análise SWOT

5 5

Votação deste artigo: 1 Votos, média: 5 de 5
 

No marketing, saber como fazer análise SWOT é fundamental para definir a estratégia de uma empresa. Compreenda o que é análise SWOT e como esta pode ajudar o seu negócio a crescer.

Antes de mais, é preciso esclarecer que a expressão análise SWOT resulta da conjugação das iniciais das palavras Strenghts (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças). No Brasil, há quem prefira usar a sigla FOFA com referência aos termos em Português.

Esta é a definição simplista do que é análise SWOT, uma ferramenta de diagnóstico fundamental no universo do marketing e dos negócios.

O que é análise SWOT?

Como já ficou mais ou menos claro, a análise SWOT serve para determinar as Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças de uma empresa ou negócio - também pode ser aplicada a nível pessoal, por exemplo, no caso de alguém que esteja a tentar redefinir a sua vida profissional.

No âmbito do marketing, a análise SWOT é usada para planear a melhor estratégia a seguir, em função dos objetivos a alcançar. Um diagnóstico adequado da situação é determinante para alinhavar as melhores ações e iniciativas a tomar para impulsionar as metas definidas.

A análise SWOT é feita a nível do ambiente interno e do ambiente externo. Isto significa que devem ser avaliadas as circunstâncias específicas da empresa, mas também as variáveis que não dependem diretamente dela, designadamente a concorrência e o cenário macroeconómico.

Como fazer análise SWOT?

O primeiro passo para uma análise SWOT cuidada deverá passar pela análise interna, com foco nas Fraquezas e Forças da empresa e/ou negócio. A análise externa deve ser realizada posteriormente, com a avaliação das Oportunidades e Ameaças que podem surgir no caminho.

Deste modo, para chegar àquelas que serão as Forças da empresa poderemos analisar fatores como as vantagens do negócio e/ou produto que oferecemos, o que é que o distingue positivamente da concorrência e qual é a sua mais-valia para quem compra. Também poderemos analisar os recursos humanos da empresa, designadamente o seu potencial, bem como os fatores que a distingam e valorizem relativamente ao mercado.

Em termos de Fraquezas, é preciso avaliar o que pode ser melhorado internamente, os maus exemplos e problemas que são evidentes e que não contribuem para a obtenção de lucros. Trata-se de averiguar quais são os fatores intrínsecos que enfraquecem o negócio aos olhos dos consumidores/clientes e/ou que dificultam o cumprimento dos objetivos estipulados.

Depois de olhar para dentro, é tempo de analisar o ambiente externo, nomeadamente para aferir as Ameaças que podem surgir. Assim, é preciso perceber quais são os obstáculos para o crescimento da empresa, nomeadamente se há condições económico-financeiras negativas ou alterações de legislação ou de regras nacionais ou comunitárias que possam dificultar a atividade. Também é preciso ver o que os concorrentes andam a fazer para perceber de que forma podem constituir um travão para a expansão do negócio.

Em termos do ambiente externo, é preciso igualmente olhar para as Oportunidades que podem surgir, nomeadamente espreitando as tendências do mercado e eventuais mudanças importantes em termos de tecnologia, de políticas governamentais ou de demografia e comportamentos sociais. A realização de eventos locais também pode criar condições especiais para o desenvolvimento do negócio, pelo que também é relevante apontar esse aspeto numa análise SWOT.

o que anlise swot infografia

Como usar análise SWOT para melhorar resultados

A análise SWOT é uma excelente forma de criar uma perceção real e concreta da empresa e do estado em que se encontra. Este diagnóstico da realidade permite traçar um plano estratégico mais sustentado para o futuro, assente em factos e dados fidedignos. 

As metas a alcançar devem ser definidas para um determinado período, isto é, fixando um tempo limite até quando devem ser concretizadas. Só desta forma será possível avaliar se foram mesmo atingidas.

O primeiro passo passa, contudo, pelo tratamento da informação da análise SWOT numa matriz que permita entender claramente as variáveis que estão em jogo.

Depois disso, deve alinhavar quais são as prioridades. O próximo passo deve ser apontar ações específicas para a concretização desses objetivos fundamentais.

Importa também ter em conta que os diversos fatores da análise SWOT podem cruzar-se - uma Ameaça pode também ser uma Oportunidade, por exemplo. Isto resulta daquela que deve ser a abordagem fundamental a este processo: detetar problemas é um primeiro passo para encontrar soluções para os resolver.

Deve primeiro focar-se naquilo que está nas suas mãos e que, portanto, pode controlar. Trata-se de começar pelo ambiente interno, ou seja, do nível onde tem absoluto controlo e onde pode tomar decisões para ultrapassar as Fraquezas detetadas e para aproveitar as Forças para seguir a melhor estratégia. Isto envolve fatores como a organização e a estrutura, os recursos humanos, a tecnologia e o software, a política de vendas e o sistema de gestão, bem como o investimento.

Só depois deve encarar o ambiente externo, o domínio que não controla e que pode passar por fatores como o clima e desastres naturais, os mercados financeiros, o Governo no poder, crises económicas e a concorrência.

Posto isto, e agora que já sabe o que é uma análise SWOT, é só deitar mãos à obra para dar o primeiro passo rumo a um futuro promissor.

Saiba mais dicas úteis

Web Copywriting: 10 dicas para aumentar as conversões

Criar sites e projectos online é muito fácil. O difícil é fazer passar a mensagem e vender produtos e/ou serviços. É aqui que entra o Web Copywriter para dar forma a conteúdos que aumentem as taxas de conversão e transformem cada utilizador da Internet numa oportunidade de negócio.

Git: manual de utilização e vantagens e desvantagens

O Git é uma ferramenta de controle de versão de arquivos que facilita em muito o trabalho de equipas que desenvolvem em simultâneo um projecto. Descubra as vantagens e desvantagens deste sistema de controle de versão distribuído.

Do registo do nome de domínio ao website

Alguma vez se questionou como é que pode associar o nome da sua empresa ou marca a um website?

Garantia de Satisfação

Satisfação de Clientes

Os nossos clientes mantêm uma relação próxima com a Grow Under, tendo sempre resposta imediata para todos os problemas.

Contactos

+351 914 132 130

info@growunder.com

Avenida Barbosa du Bocage 87 - 4 1050-030 Lisboa - Portugal

Direitos de autor © 2019 Grow Under - Gestão de sites - Formaçao em Joomla. Todos os direitos reservados.